O que fazer quando o interesse e o desejo no parceiro desaparecem?

Olá caro leitor/leitora do blog química perfeita, que bom estar tendo oportunidade de conversar com você através destas poucas linhas.

Hoje vamos falar de um assunto, que na minha opinião é muito importante de ser discutido e é objeto das perguntas de diversas leitoras deste blog, pois afeta milhares de casais mundo afora e afeta não só o casal, mas todo o núcleo familiar, pessoal e profissional de cada um.

A grande questão, a grande pergunta que fazem é: O que fazer quando o interesse e o desejo desaparecem da relação?

Desejo (tesão) e interesse juntos com admiração e respeito são ingredientes imprescindíveis e essenciais para uma relação saudável, apimentada e muito prazerosa para um casal.

Vamos começar falando do DESEJO. Literalmente falando o desejo é a lareira, a chama de um relacionamento, responsável por aquecer a relação com sexo de boa qualidade (leia-se muita troca de carinhos, longas preliminares, beijos molhados e ardentes, sincronia orgástica etc.).

O desejo gera inevitavelmente o tesão, e essa excitação promovida pelo tesão quando administrada pelo casal com calma, entrega mútua, olhares profundos, beijos longos e molhados levam ao êxtase do sexo e do orgasmo pleno!

Sei que você pode estar lendo isso e pensando! Esse cara deve ser louco!!

Lá em casa temos 3 filhos, um cachorrinho eu trabalho dia todo, minha mulher ou marido também trabalha o dia todo e ainda acha que vou conseguir chegar em casa e pensar em tudo isso?

Bom! Então deixa eu te fazer uma pergunta: E a qualidade e o futuro da relação de vocês onde fica?

Eu posso lhe garantir que sem entender a importância do casal trabalhar e construir diariamente o desejo e interesse no parceiro (sim, diariamente, pois o desejo tem que ser criado dia a dia dentro de um relacionamento porque ele é constantemente atacado pela rotina, preocupações causadas por contas a pagar, trabalho, pequenas briguinhas, o cuidado com os filhos e diversos outros fatores que corroem o desejo) ficará muito difícil o casal ter uma relação saudável e fiel.

Sim, fiel, pois a satisfação sexual do casal é um potente escudo contra a traição, embora a traição também ocorra não só pela má qualidade sexual do casal, mas também tem outros fatores que podem desencadear a traição, tais como problemas de caráter, honestidade, comportamento de trair criado e condicionado desde adolescência ou copiado do pai e ou outros influenciadores como tios, irmãos, primos etc., falta de valores familiar relacionado a fidelidade e respeito ao parceiro etc., etc.

É importante você estar ciente, de que o interesse e desejo um pelo outro é algo que dá muito trabalho em uma relação de longo tempo, é algo que tem que ser entendido e construído pelos dois através de pequenos gestos diário, desde um beijo gostoso ao sair a pequenos bilhetinhos com um simples bom dia meu amor!

E quanto a falta de INTERESSE de um dos parceiros pelo outro, o que fazer?

Bom, se recorrermos ao Dicionário vamos encontrar a seguinte definição para a palavra interesse:

Substantivo masculino:

1 - O que é importante, útil ou vantajoso, moral, social ou materialmente.

2 - Estado de espírito que se tem para com aquilo que se acha digno de atenção.

Portanto, ao trazer o conceito da palavra interesse para dentro de um relacionamento de casal, podemos defini-la da seguinte maneira: INTERESSE, quando duas pessoas (casal) cooperaram pelo mesmo objetivo (criar mecanismos que despertem o interesse um no outro), de uma harmonia de interesses.

Então veja como o Desejo e Interesse caminham de mãos dadas no conceito relacionamento.

Se o casal aprende a despertar o desejo um no outro (que na fase de namoro parece que tem insônia, está sempre acordado e na fase do casamento parece que toma um Rivotril, um Gardenal, vive sempre sonolento, dormindo ou seja, por isso a necessidade DO CASAL de despertá-lo dessa letargia causada pelo comodismo da rotina) eles terão uma qualidade de vida muito, mas muito melhor e mais saudável porque o sexo com qualidade libera endorfinas, fazer sexo garante bem-estar e oferece diversos benefícios para a saúde, como a melhora da qualidade do sono e da aparência como pele e cabelo, combate o estresse, diminui a fome, diminui ou elimina enxaqueca e é até proteção contra gripes e resfriados.

Eu poderia escrever diversos textos inteiros falando sobre os inúmeros benefícios do sexo com qualidade pode oferecer para vida e a saúde de um casal, mas creio que você já sabe disso né!

Quando você faz sexo com qualidade e satisfação plena você nota na hora ao olhar sua imagem no espelho que sua pela fica mais bonita, seu cabelo mais brilhoso, aquele mal-estar desaparece, sente seu corpo relaxado etc., etc. não é mesmo?

Essas poucas linhas neste artigo abordando esses benefícios tem como objetivo só lembrá-la/lembrá-lo sobre isso.

“Durante a atividade sexual um grande potencial de energia é acionado gerando uma descarga energética capaz de relaxar e diminuir a ansiedade. O ato libera hormônios que promovem sensações prazerosas, podendo gerar expressões faciais e corporais que traduzem estados de felicidade e alegria."

Bom, falamos até agora do DESEJO e INTERESSE, falta falarmos sobre admiração e respeito dentro da relação. É importante o CASAL entender que SEM A ADMIRAÇÃO UM PELO OUTRO é muito DIFÍCIL despertar o Desejo e interesse pelo parceiro.

Aliás, em via de regra a admiração sempre existe no início, quando conhecemos alguém a admiramos por algum ou alguns atributos que nos atraia e no desperta interesse, seja a roupa que a pessoa está vestida, o corpo, a sua inteligência ou a sua educação e gentileza ao nos tratar, enfim!

Sempre há uma admiração inicial nos relacionamentos já que a admiração excita, desperta o desejo e o interesse. Há sempre uma forte ligação com aquilo que admiramos, assim como também há uma quebra dessa ligação quando perdemos a admiração por alguém.

Bom, e por fim vamos falar do RESPEITO! Eu diria que o respeito é a cola que segura uma relação saudável e acesa.

Uma coisa importante de falar aqui, é que o respeito assim como a qualidade só é atestado por quem o recebe não porque dá. Se eu perguntar a você se tem qualidade aquilo que você faz profissionalmente, seja um produto que você representa ou um serviço que você presta, o que me responderia?

Agora se eu perguntar isso a algum cliente seu o que você acha que ele me responderia?

O mesmo acontece em relação ao respeito entre o casal. Se eu te perguntar se você respeita seu parceiro ou parceira o que me responderia?

Agora se eu perguntar isso para ela ou ele o que você acha que eu receberia como resposta?

O respeito permeia toda a estrutura de uma relação, embora a fidelidade seja a maior representante do respeito dentro de um relacionamento, ela não é a única!

O respeito e ou desrespeito está em diversas atitudes do cotidiano de um casal, desde entrar no quarto e acender uma luz na cara do outro até a atitude de sujar algo que o parceiro ou parceira com tanto esforço limpou.

Esses pequenos gestos de desrespeito com o outro, a princípio parecem inofensivos, porém, a somatória deles se torna altamente nocivos a saúde da relação.

Se o parceiro ou a parceira diz que quer ficar quietinho (a) por algum tempo, respeite isso! Se ele diz: hoje não estou com vontade de fazer amor (Obs.: claro que não pode se frequente) respeite!

É normal a vontade de sexo algumas vezes ocorrer em um, mas não no outro, se o parceiro pede para abaixar o som ou mudar o canal, respeite!

Volto a dizer: os casais costumam validar o respeito apenas no quesito fidelidade. Ela é sim importantíssima como um forte elemento de respeito dentro da relação, porém, não é a única!

Querida/querido leitora (or) do química perfeita, agradeço muito pela sua atenção e interesse em ter lido meu artigo neste conceituado blog, espero de coração que essas poucas linhas tenham trazido informações que tenham despertado ou reforçado sua reflexão sobre as diversas áreas e comportamentos de sua relação com seu parceiro/parceira.

E lembre-se- se! O poder de mudar algo que não está bom para você sempre esteve, está e sempre estará em suas mãos!!

Um beijo no seu coração, e até a próxima oportunidade para nos encontrarmos novamente, tchau!

O que achou do conteúdo?

Quer receber dicas para apimentar a relação?

Lucas de Oliveira

Pesquisador e estudioso da área da psicologia, sexologia humana, relacionamento de casais a mais de 20 anos. Whats: (48) 9 8432-4548 e e-mail: [email protected]